Caso CNPEM - Uso do NanoSight


Pesquisadora: Adriana Franco Paes Leme

Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM)

Laboratório Nacional de Biociências (LNBio)

Grupo Proteômica – Laboratório Espectrometria de Massas


Nosso grupo de pesquisa desenvolve projetos envolvendo análises proteômicas por meio da espectrometria de massas na busca de assinaturas e alvos terapêuticos para câncer de boca que possam auxiliar no diagnóstico, prognóstico e acompanhamento dos pacientes com esse tipo de doença.

Para isso, estamos utilizando amostras clínicas que incluem biópsias liquidas, e tecidos tumorais primários e metastáticos. Entre as amostras de biópsias líquidas utilizamos as vesículas extracelulares (VEs) isoladas a partir de diferentes amostras biológicas, interrogando seu conteúdo molecular e papel funcional.


Em 2015, publicamos o artigo Insights into immune responses in oral cancer through proteomic analysis of saliva and salivary extracellular vesicles, Winck et al., Scientific Reports, 5:16305, 2015 (doi: 10.1038/srep16305). Esse trabalho foi pioneiro para o nosso grupo utilizando vesículas extracelulares. As análises foram realizadas comparando o conteúdo proteico de VEs isoladas de indivíduos saudáveis e pacientes com carcinoma oral de células escamosas (CEC) e rendeu a premiação na modalidade de Pesquisa em Oncologia Octavio Frias de Oliveira, ICESP.


Mais recentemente, publicamos o artigo A Reductionist Approach Using Primary and Metastatic Cell-Derived Extracellular Vesicles Reveals Hub Proteins Associated with Oral Cancer Prognosis. Mol Cell Proteomics. Busso-Lopes et al., Molecular and Cellular Proteomics, 20:100118, 2021 (doi: 10.1016/j.mcpro.2021.100118) que explorou o conteúdo das VEs por proteômica, miRNA, metabolômica e lipidômica revelando proteínas centrais associadas ao prognóstico de câncer de boca.


Nossos esforços têm sido direcionados para a melhoria de protocolos envolvendo as análises de VEs, os quais incluem a etapa de isolamento, lise e integração de dados de ômicas. Uma etapa fundamental da análise de VEs é estimativa de quantidade de tamanho de VEs.


Para isso, o equipamento de análise de rastreamento de nanopartículas, NanoSight NS300 (Malvern Panalytical Ltd) que tem sido um valioso instrumento auxiliando o preparo de amostras com quantidades conhecidas de partículas, facilitando a normalização dos dados, ampliando a confiabilidade em nossas análises. Também é importante destacar que esse equipamento está instalado no LNBio-CNPEM e atende diversos usuários da comunidade científica.


Para utilização desse equipamento, existe uma equipe treinada para o treinamento de usuários que buscam utilizar essa técnica em seus projetos. Nesse sentido, o suporte da Pensabio tem sido extremamente valioso para que possamos manter nosso equipamento em operação com fluxo constante e obter resultados de qualidade.

94 visualizações